A Unha do Violonista

Um violinista, violoncelista, violista ou contrabaixista tem seu arco, instrumento usado para friccionar as cordas. Um percussionista, sua baqueta. O violonista possui um instrumento natural interessantíssimo, e se souber utilizá-lo abre um leque das mais variadas possibilidades timbrísticas: a unha.

A unha é usada pela grande maioria dos violonistas modernos, seja por alcançar uma maior precisão ou variação de timbres. O toque da mão direita sem unha, como Francisco Tárrega sugeria, ainda existe, mas é usado apenas por uma minoria.
O cuidado que um violonista tem em relação às unhas da mão direita pode parecer exagero, mas esse cuidado é um dos itens que vai diferenciar um violonista experiente de um violonista amador. A unha é parte fundamental na formação do som do violão.
É na combinação da polpa do dedo com a unha que sairá o resultado sonoro – quanto mais unha, mais pontiagudo e preciso sairá o som; quanto mais carne do dedo, mais arredondado, suave e sutil será o som.

A unha nunca deve estar muito curta, nem muito longa. Os porquês:

  • Unhas muito curtas: necessidade de virar o pulso para atacar as cordas; impossibilidade de produzir um som definido; pouca precisão.
  • Unhas muito compridas: som excessivamente metálico e pontiagudo; distância maior entre o dedo e a corda, ocasionando uma perda de precisão e controle de movimento.

Para saber o tamanho ideal, precisamos ter a relação do dedo com a unha. Com a mão na frente e a palma virada para o rosto, uma das regras gerais é a de que o violonista precisa conseguir enxergar a unha passando um pouco do tamanho de seus dedos.

Esse é o tamanho padrão, usado pela maioria dos violonistas, embora alguns prefiram usar maiores e outros menores. Embora as unhas sejam instrumentos importantíssimos, vou finalizar colocando uma citação do Eduardo Bernini, autor de Um Estudo sobre Unhas“A arte musical não está nas suas unhas, e sim no seu coração – adapte a técnica para o tipo de unhas que você tem.” (obs.: sempre com a ajuda de um professor).

Um comentário sobre “A Unha do Violonista

  1. Acho esse um assunto muito importante a todos e essencial (não somente pela sonoridade).Eu acho que quanto menos resistência obtiver no momento em que toco mais confortável estou e menos barulho irei fazer.

    Ouvi falr de outro estudo de unhas feito por Scott Tennant e não entendi muito bem.Parece ser algo bom,mas não consegui entender.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>